sexta-feira, 8 de novembro de 2013

A verdadeira glória do cristianismo

Suponhamos que a maioria da humanidade professasse a fé cristã e que a grande maioria dos brasileiros fosse católica, como há algum tempo, suponhamos que o cristianismo fosse respeitado e seus dogmas, acreditados e seus ministros, levados a sério...
Isto ainda não seria o importante nem o essencial!

Cristo nosso Deus fez-Se homem para trazer aos homens o Reino de Deus. Ora, esse Reino não acontece primeiramente em estruturas externas, em realidades sócio-político-econômicas... Esse Reino bendito começa no coração, no âmago da vida de cada um de nós!

Assim, não são as maiorias, os prestígios, os aplausos, a concordância ou elogio do mundo que revelam o triunfo do cristianismo, mas sim a vida concreta dos cristãos - na conversão contínua, na mortificação, na oração perseverante, na vitória sobre si mesmo, no amor fraterno - que indicará a vitória de Cristo, a presença bendita no mundo do Reino que Ele veio anunciar e inaugurar com a Sua bendita Encarnação, Sua santíssima Paixão e Sua gloriosa Ressurreição e Ascensão.

Este Reino não é uma coisa, uma realidade inerte, simplesmente objetiva e fria. O Reino é o Santo Espírito do Ressuscitado, que em nós estabelece já aqui a vida da Glória!

Assim, o verdadeiro cristianismo, a real vitória de Cristo aparece primeiramente na minha e na sua vida, caro Leitor. Que mistério tão grande: nós somos o lugar do Reino, a epifania do Reino, a prova da vitória de Cristo feito homem e ressuscitado, salvador e glorificador dos homens na força do Espírito Santo!


- Senhor, tem piedade de nós! Senhor, compadece-Te de nossa fraqueza! Senhor, socorre-nos com a força do Espírito recebido nos Teus santos sacramentos, para que sejamos, vasos de argila, sagrado perfume do Teu Reino que inebriará o mundo e lhe revelará a Tua salvação! Amém.




Um comentário:

  1. É...
    Bom Dia Dom Henrique.

    Sim, Cristo mesmo foi quem disse: "meu reino não é deste mundo"
    E também nos exortou a buscar o Reino De Deus primeiramente, acompanhando pra mim o 1º Mandamento de Amar a Deus sobre todas as coisas... o que nos leva a não cair no conto de uma conversão exterior, de aparências apenas... sim, porque o Temor ao Senhor é o princípio da sabedoria... quem vai querer fingir diante de Deus se há conhecimento e respeito da Sua gloriosa Presença?

    "Que mistério tão grande: nós somos o lugar do Reino, a epifania do Reino, a prova da vitória de Cristo feito homem e ressuscitado, salvador e glorificador dos homens na força do Espírito Santo!"

    crucificados um no outro, rebentando fontes por onde morremos.
    Renascemos em/no/de Espírito Santo.

    Mas sejamos sinceros, como dói, mas como dói muito mesmo, sermos essa argila entregue nas mãos hábeis e precisas do Oleiro... dói dói dói muito...

    A Paz esteja contigo.

    Uma das cenas mais magníficas e perfeitas da 7ª arte:
    Partilho:

    http://www.youtube.com/watch?v=FrUMxGM8WPA

    =)

    ResponderExcluir

Caro Irmão, serão aceitos comentários que não sejam ofensivos nem desrespeitosos.